Ciclo de Planejamento Participativo


No Ciclo de Planejamento Participativo a população tem a oportunidade de eleger as demandas que consideram prioritárias para o seu bairro ou Regional e que poderão fazer parte da Lei Orçamentária Anual do ano subsequente. Além disso, a cada dois anos, é realizada a eleição dos Agentes de Cidadania e Controle Social, que são representantes da comunidade junto à Prefeitura Municipal de Fortaleza.

Para facilitar a atuação dos agentes, Fortaleza foi dividida em 32 territórios, cada um composto por cerca de quatro bairros. A cada cinco mil habitantes, um agente é eleito, totalizando 490 Agentes de Cidadania e Controle Social.

 

 

 

 

Ciclo de Planejamento Participativo

No Ciclo de Planejamento Participativo a população tem a oportunidade de eleger as demandas que consideram prioritárias para o seu bairro ou Regional e que poderão fazer parte da Lei Orçamentária Anual do ano subsequente. Além disso, a cada dois anos, é realizada a eleição dos Agentes de Cidadania e Controle Social, que são representantes da comunidade junto à Prefeitura Municipal de Fortaleza.

Para facilitar a atuação dos agentes, Fortaleza foi dividida em 32 territórios, cada um composto por cerca de quatro bairros. A cada cinco mil habitantes, um agente é eleito, totalizando 490 Agentes de Cidadania e Controle Social.